Terça-feira, 8 de Abril de 2008

Ai Caramba!

Se gostam de música tradicional portuguesa, sigam as instruções.
Se gostam de música celta, sigam as instruções.
Se gostam de rir, sigam as instruções.
Se confiam em mim, sigam as instruções.
Já que leram até aqui, sigam as instruções.

Passo 1:
Clicar aqui e fazer o download (totalmente legal).

Passo 2:
Descomprimir o ficheiro e abrir, sem reproduzir.

Passo 3:
Arranjem paciência e boa disposição.

Passo 4:
Acompanhar a música com a letra.

Ai Caramba
(Banda: Quadrilha)

Veio da costa
Com o sorrir de quem chegava cedo
Trazia histórias
De baleias, de marés e medo
E aquela gente
Que nunca tinha visto o mar contado
Ouvia tudo
Como segredo que é revelado

E a filha do carpinteiro
Que era como uma sereia
Tão boa como água mansa
Fêmea como a lua cheia
De crescer água na boca
De sonhar a noite inteira
Ponham-me a pensar sozinho
Que ainda a deitava na areia

[Refrão]
Ai caramba!
Aquilo é que havia de ser caramba
Palavra de honra
Só me arrependia do que não fizesse
Ai se eu pudesse catraia
Levava-te a navegar
O teu lenço, a tua saia
Deitava os dois ao mar
E era o que Deus quisesse,
Ai catraia se eu pudesse...
E era o que Deus quisesse,
Ai catraia se eu pudesse...

Raio de moça
Que já me põe a falar sozinho
Ainda hei-de um dia
Aparecer-lhe à curva do caminho
Pode a nascente
Se levantar lá das terras da sorte
Hei-de dizer-lhe
Que é mais bravia que o vento norte

E um dia de manhazinha
O pescador perdeu o medo
Foi bater-lhe à porta e disse
Quero contar-te um segredo
E ela pior que as marés
Deu-lhe a resposta despachada
Vai mas é de volta ao mar
Que tu daqui não levas nada

[Refrão]

Ai se eu pudesse...

Ai caramba
Aquilo é que havia de ser caramba
Palavra de honra
Só me arrependia do que não fizesse

[Refrão]

Ai caramba!
Aquilo é que havia de ser caramba
Palavra de honra
Só me arrependia do que não fizesse
Ai se eu pudesse catraia
Levava-te a navegar
O teu lenço, a tua saia
Deitava os dois ao mar
E era o que Deus quisesse,
E era o que Deus quisesse,
Ai catraia se eu pudesse...

Passo 5:
Se encontrarem algum erro na letra é favor avisar.
De notar que eu é que fiz a letra e que ela é única em toda a net.
Se pegam nela e a põem num site letras também é favor pôr o meu nome e o link aqui para o blog para o Criticando ser mais divulgado.
sinto-me: Bem disposto!
música: Quadrilha - Ai Caramba
Tags:

publicado por Ricardo às 21:46
link do post | comentar | favorito
6 comentários:
De luxxx a 10 de Abril de 2008 às 17:20
Caramba! Faz lembrar as músicas criadas durante o PREC.



De =D a 5 de Janeiro de 2009 às 20:21
meeeeu esta musica e completamente gira :D


De Miguel Pereira a 6 de Fevereiro de 2009 às 16:53
Bom dia!

Olhe, eu não tenho a certeza...
Mas há algumas coisas que penso estarem incorrectas!
Dá-me a sensação que é:

«Punha-me a pensar sozinho»
«Deitava-os os dois ao mar»
«Quando a nascente»

Peço-lhe que não me leve a mal este comentário!

Abraço,
Miguel Pereira


De Ricardo a 8 de Fevereiro de 2009 às 17:08
A primeira ainda não consegui perceber bem, mas o que dizes parece correcto. A segunda acho que é "Deitavas os dois ao mar" porque não tem lógica dizer "Deitava-os os dois", estaria a repetir. Quanto à terceira tens toda a razão.

Claro que não levo a mal. Eu agradeço toda e qualquer crítica que me ajude a eliminar os erros do Criticando.



Abraço,
Ricardo Leal


De Nuno a 29 de Julho de 2010 às 18:58
"Que ainda a deitava na eira"


De ana teixeira a 14 de Dezembro de 2010 às 15:15
punha-o a pensar sózinho

que ainda a deitava na eira

quando a nascente

e foi bater-lhe á porta


Comentar post

Música da semana

Pesquisa

 
RSS